Como organizar um casamento?

como organizar um casamento

Como organizar um casamento?

Como organizar um casamento


Queremos ensinar hoje por onde começar a organizar seu casamento, pois organizar um casamento não é uma daquelas coisas que uma mulher já nasce sabendo. E, como também não dá para sair praticando por aí, a não ser que a tarefa vire profissão, é preciso estar sempre atenta para erros que, apesar de serem comuns, podem prejudicar o resultado final da cerimônia. A Yes I Do Assessoria de Casamentos lista abaixo dicas inéditas de como organizar seu casamento. .



Reserve o CARTÓRIO / igreja

Não tem como pagar a taxa do cartório? Peça a gratuidade e informe-se sobre as datas disponíveis. Se vocês querem receber a benção religiosa em sua igreja, concilie a data de ambos.


Defina quantas pessoas participarão


Né? Pra saber com o quê e quanto vai gastar. Lembre-se: não chame ninguém por obrigação ou educação. Chame apenas aquelas pessoas que, em um dia de adversidade você pode ligar pra elas, pedir ajuda e receber ao menos algum tipo de apoio.

Decida/feche fotografia

Vai pedir para um amigo fotografar? Quem será? Ele tem uma câmera boa e tira fotos OK? Prefere fechar com um profissional? Bata as datas com a do cartório e da igreja.

Decida se haverá festa ou recepção

Recepção é quando há uma cerimônia – religiosa ou civil – e depois o casal só sai distribuindo abraços, agradecimentos e lembrancinhas. Pode até rolar uns quitutes e bebidinhas. Mas é coisa rápida e básica.
Festa é quando tem música, mesas e cadeiras, comida farta e as pessoas podem ficar mais tempo e mais a vontade. Sua escolha impactará o seu custo.

Se haverá festa ou recepção, decida onde será

Liste o custo (se será pra você ou para o seu convidado – adesão), reserve o espaço e anote o endereço e a forma de chegar para explicar as pessoas.

Decida/feche trajes

Agora é hora! Se vierem pela internet e você tem pouco tempo, compre em lojas com entrega rápida! Nada de arriscar data de entrega e pagar mais caro por frete ligeiro.

Vá para os menores e mais fáceis:


lembrancinhas, convites, doces, bolo, buquê etc.

***

Parece muita coisa mas respirando fundo, com calma e sabedoria você vai perceber que consegue qualquer coisa afinal de contas o que estraga nossos planos são nossas expectativas furadas de agradar os outros e de competir com a gente mesmo em fazer uma festa mais bonita que a da outra noiva que saiu aqui no blog.

Se você abstrair o consumo desenfreado que tem nesse mercado e focar em fazer algo íntimo e gostoso pra quem você quer bem, o resto se torna resto. O que dá a gente compra, contrata e faz. O que não, a gente agradece e segue em frente. Permita-se ser feliz com o que você pode ter, ser e fazer.

 

 

 

 



 

 

 

 

Compartilhar:

Comments